Honda CBR 1000RR

A superesportiva de 1000 cc da Honda, a CBR 1000RR, ganhou uma versão réplica da motocicleta de Stefan Bradl na MotoGP. Na Europa, o modelo poderá ser encontrado nas cores da equipe LCR Honda, exatamente igual à máquina que compete no Mundial de Motovelocidade na temporada 2014.

No entanto, para se tornar homologada para as ruas, é equipada com farol dianteiro, lanterna traseira, espelhos retrovisores, indicadores de direção e suporte para a placa. A réplica da LCR Honda de Bradl traz escapamento Arrow, assento idêntico ao das motos da MotoGP, além de todos os adesivos de patrocinadores e o “number plate” do piloto alemão. O preço ainda não foi definido. Porém, pedidos já podem ser feitos no e-mail fan@lcr.mc.

[Por:Moto.Com.br]

Yamaha

Os rumores de que a Yamaha lançará uma tourer com suspensão de longo curso feita com base na MT-09 não são de hoje. No entanto, uma foto vazada por acidente no site de mídia norte-americano da marca confirmou o esperado.

A imagem foi removida, mas ficou tempo suficiente no ar para a imprensa internacional confirmar que ela se chamará FJ-09 nos Estados Unidos e traz conjunto óptico semelhante ao da semi-carenada FZ1, mas com para-brisa mais alto e protetores de mão. Já a base não difere da MT-09 e inclui o mesmo propulsor tricilíndrico de 847 cm³.

Na Europa, acredita-se que a nova moto chegará com as mesmas especificações, mas será batizada de MT-09X ou algo próximo para seguir a nomenclatura da família. O debute, inclusive, deve acontecer no mês que vem, durante o Salão de Milão, na Itália.

[Por:Moto.Com.br]

Harley-Davidson 1

A inovadora motocicleta elétrica da Harley-Davidson ainda nem foi lançada e já está fazendo grandes aparições. O primeiro modelo elétrico da tradicional fabricante norte-americana de motos fará parte do filme “Vingadores 2 – A Era de Ultron” que estreia em maio de 2015.

O trailer, que foi divulgado na última quinta-feira (23), mostrou a Project LiveWireem duas cenas de ações diferentes, sendo pilotada pelo Capitão América, com o ator Chris Evans, e por Natasha Romanoff, também conhecida como Viúva Negra, interpretada por Scarlett Johansson.

Para quem ainda não conhecia essa motocicleta “diferente” da empresa dos Estados Unidos, ela conta com o estilo naked, sem carenagens, e ostenta um visual completamente novo dentro da marca. Por enquanto a fabricante ainda não divulgou se o modelo terá versão de produção.

Confira:

[Por:Carplace]

Moto 1000 GP

Pilotos e equipes que disputam a temporada 2014 do Moto 1000 GP viverão neste domingo (26/10), no GP Curitiba, um momento apontado como decisivo na disputa pelos títulos das quatro categorias que compõem a competição. Os resultados da sexta etapa no Autódromo Internacional de Curitiba vão reduzir a relação de pilotos que têm chance de conquista do título, que hoje totaliza 57 nomes nas categorias GP 1000, GP Light, GP 600 e GPR 250.

Série principal da competição, a GP 1000 tem ainda 17 pilotos reunindo chance de título. A liderança é do francês Matthieu Lussiana. Único com duas vitórias no ano, o piloto da Petronas Alex Barros soma 93 pontos. O vice-líder é Wesley Gutierrez, paranaense que compete pela Motonil Motors-PDV Brasil e tem 74. Bicampeão do Moto 1000 GP, o argentino Luciano Ribodino, da Aclat Racing, surge em terceiro na tabela, com 63 pontos.

Pela GP 600, em que 12 pilotos ainda podem erguer a taça reservada ao campeão, a liderança é do uruguaio Maximiliano Gerardo. Com três vitórias, o piloto da MGBikes Yamaha soma 103 pontos, 30 à frente do vice-líder gaúcho Pedro Sampaio, da Fábio Loko. O paranaense Joelsu da Silva, da Paulinho Superbikes, é terceiro com uma vitória e 71 pontos – o outro vencedor de 2014 é o argentino Juan Solorza, da Solorza, que disputou apenas uma etapa.

A categoria com maior número de pilotos com chances de título é a GP Light, que mantém a taça como meta viável a 19 nomes. Líder e vice-líder são brasilienses – Henrique Castro, da City Service BSB Motor Racing, e Ian Testa, da Motonil Motors-PDV Brasil, têm 88 e 75 pontos, respectivamente. O paulista Rodrigo de Benedictis, companheiro de equipe de Testa, vem a seguir com 68, três a mais que o argentino Nicolas Tortone, da MGBikes Yamaha.

Na categoria de formação de pilotos GPR 250, que tem nove candidatos ao título, o duelo mais incisivo envolve os paulistas que já conquistaram duas vitórias, cada. Meikon Kawakami, da Playstation-PRT, lidera com 103 pontos, 18 a mais que Lucas Torres, da Estrella Galicia 0,0 by Alex Barros. Giovandro Tonini, gaúcho da Santin Racing, surge em terceiro na tabela com 60 pontos – o máximo possível a um piloto por etapa são 27 pontos.

Programação da 6ª etapa – categoria GP 1000 em Curitiba

Sexta-feira, 24
1º treino livre: 14h10 às 14h35
2º treino livre: 16h30 às 16h55

Sábado, 25
3º treino livre: 10h10 às 10h35
4º treino livre: 13h20 às 13h45

Classificação: 
Q1: 15h20 – 15h40
Q2 (8 primeiros do Q1): 16h45 – 16h55

Domingo, 26:
Warm-up: 8h50 – 9h
Largada: 12h40 (18 voltas) – Transmissão pelo BandSports/Esporte Interativo/Portal Terra/Site moto1000gp.com.br

Classificação – GP 1000
1) Matthieu Lussiana, 93 pontos
2) Wesley Gutierrez, 74
3) Luciano Ribodino, 63
4) Miguel Praia, 55
5) Danilo Lewis, 52
6) Diego Faustino, 44

7) Renato Andreghetto, 30

8) Diego Pierluigi, 29

9) Nico Ferreira e Danny Eslick, 26
11) Lucas Barros, 18
18) Douglas Figueiredo, 11
26) Alex Barros, 2

[Por:Moto.Com.br]

Dafra Maxsym 400i

Após o grande sucesso do scooter Citycom 300i no Brasil, a Dafra lançou no país mais um produto em parceria com a taiwanesa Sym. Dessa vez, trata-se do, também maxiscooter, Maxsym 400i ABS, apresentado na última edição do Salão Duas Rodas e lançado para o público em meados de abril desse ano.

Projetado para oferecer maior conforto aos seus ocupantes na estrada, mas sem perder suas características urbanas, o Maxsym 400i traz, de série, diversos itens como ABS, espaço para dois capacetes sob o banco, apoio de lombar para piloto e garupa, para-brisa com ajuste de altura, freio de estacionamento, porta-objetos, entrada USB e tomada 12V. Visando uma boa relação custo-benefício, a Dafra colocou um preço público sugerido de R$ 20.990 em seu novo maxiscooter, disponível nas cores preta e branca. Será que essa boa relação vai além do papel? Para responder a essa pergunta, rodamos com o modelo na cidade de São Paulo e também em estradas a caminho do litoral norte paulista, totalizando mais de 500 km a bordo do Maxsym 400i ABS.

Para viajar

Por ter como principal foco as viagens, o Maxsym 400i traz carenagens avantajadas. A larga proteção frontal mantém as pernas e tórax do piloto protegidos contra o vento e conta, ainda, com para-brisa com ajuste de altura em 5 cm – porém é preciso de ferramenta para ser ajustado. Dessa forma, todo o corpo do condutor fica resguardado das intempéries das rodovias. O assento também foi algo pensando principalmente para longas jornadas. A espuma é espessa e macia e o banco conta com apoio de lombar, tanto para piloto, quanto para passageiro. Tais “mimos” são muito bem vindos e aproveitados durante viagens, já que mantêm os ocupantes confortáveis por mais tempo.
Logo abaixo do completo painel de instrumentos, que mostra todas as informações ao condutor, há três porta-objetos. Um central, com trava, e dois laterais. O do meio tem entrada para aparelhos eletrônicos tipo USB e 12V, que servem para carregar telefones celulares e também GPS, bastante utilizado em viagens. Podem servir, ainda, para guardar aquele dinheiro trocado para pagar os pedágios no caminho.
O compartimento sob o banco, com capacidade para dois capacetes fechados (integrais), é, também, muito útil em viagens. Não será suficiente para carregar todas as bagagens de sua mulher, mas transporta pequenas malas com facilidade. A luz de cortesia, que ilumina a parte interna do compartimento e auxilia o acesso à bagagem em ambientes escuros, é outro ponto positivo do maxiscooter.
Falando em conforto, não podemos esquecer da capacidade do tanque de combustível. Com 14,7 litros, o Maxsym tem uma autonomia média de 320 km (consumo médio variou entre 17,4 e 26 km/l – subida e descida de serra). Isso significa uma redução nas paradas para abastecimento em longas viagens e maior conforto. Outro ponto alto do novo scooter da Dafra é a posição de pilotagem. Na cidade, a posição com as pernas mais flexionadas auxilia nas monobras de baixa velocidade. Na estrada, há um apoio adicional para os pés mais à frente deixando a posição de pilotagem mais relaxada e esticada. Mesmo após quase 3 horas sobre a motocicleta, o cansaço ainda não tinha aparecido.
Ouro item que merece elogios é o sistema de iluminação do maxiscooter. Além das luzes de presença em LEDs, os faróis têm facho bem distribuído e eficiente para pilotar à noite.
Motor e desempenho
Equipada com motor monocilíndrico OHC de arrefecimento líquido, quatro válvulas e 399,3 cm³ de capacidade cúbica, o Maxsym promete 33,3 cavalos de potência as 7.500 rpm e torque máximo de 3,2 kgf.m aos 5.500 giros. Na prática, o Maxsym consegue manter uma velocidade cruzeiro de 140 km/h. Sua velocidade máxima chega pouco acima dos 150 km/h com segurança.
No entanto, identificamos uma falta de torque, principalmente em subidas, retomadas e ultrapassagens, talvez pelo peso a seco da motocicleta (229 kg). A Rodovia Rio-Santos é, em sua maioria, mão dupla. Portanto, para ultrapassagens acima dos 100 km/h, o Maxsym 400i vai bem. Mas, se a mesma manobra for feita em uma subida, o scooter irá penar e deixar o piloto um tanto angustiado. Não importa o quanto gire o cabo do acelerador, dificilmente ele irá passar dos 85 km/h.
Ao pesquisar sobre o assunto na internet, encontramos diversos depoimentos de proprietários – a maioria antigos donos de Citycom 300i – com a mesma queixa: a falta de força em subidas. O Maxsym 400i, como a maioria dos scooters, conta com o câmbio CVT, automático de transmissão continuamente variável. Uma comodidade para o piloto, pois basta acelerar para colocá-lo em movimento, mas uma limitação, já que não permite reduzir a marcha em busca de mais torque.
O conjunto de freios, constituído por duplo disco dianteiro de 275 mm de diâmetro mordido por pinça de dois pistões e disco simples na traseira, conta com o auxílio do sistema ABS. No entanto, seu funcionamento é um pouco mais lento do que em outros sistemas ABS. Em testes de frenagem, ao acionar somente o manete esquerdo, do freio traseiro, sentimos que o intervalo entre o travamento da roda e a liberação do freio pelo ABS é muito grande, fazendo com que o pneu traseiro derrape em algumas situações mais extremas. Já o dianteiro funciona bem melhor, mas, ainda assim, é um pouco lento.
As suspensões também são simples, mas de bom funcionamento e suficientes para a proposta da moto. Na dianteira, garfo telescópico convencional com 106 mm de curso e na traseira, duplo amortecedor com 112 mm de curso. Outro ponto positivo do maxiscooter são as rodas de liga leve de 15” na frente e 14” atrás, que auxiliam na hora de passar em buracos.
Conclusão
Considerando que o Maxsym 400i ABS seria o próximo passo para o proprietário do Citycom, vemos uma grande evolução no quesito conforto. O novo scooter da Dafra conta com algumas regalias a mais, oferece maior conforto para os ocupantes, maior capacidade de bagagem e tem uma boa relação custo benefício. No entanto, apesar de conseguir atingir velocidade máxima maior que o Citycom, o scooter de 400 cilindradas perde no quesito torque, sofre em subidas de serras e em retomada. Mas, por tudo que oferece, ele se torna uma boa escolha entre os maxiscooters, já que seu preço público sugerido é menor do que o de seu concorrente direto, o Suzuki Burgman 400, vendido a R$ 29.100. E se o seu principal objetivo for pegar a estrada e realizar longas viagens, o Maxsym 400i é uma opção mais adequada do que o Citycom.
[Por:Moto.Com.br]

MV Agusta

A MV Agusta apresentou duas novas versões da Brutale 800, a RR e a Dragster. Ambos os modelos receberam um aumento de 15 cv de potência em seu motor de 798 cm³ e agora passa a produzir 140 cv a 13.100 rpm e torque de 8,7 kgf.m a 10.100 rpm.

Além disso, a montadora italiana instalou nas versões o pacote eletrônico MVICS 2.0, o mesmo utilizado na Turismo Veloce, com quatro opções de mapeamento para injeção e ignição, mais o controle de tração com oito estágios e quick shift para troca rápidas de marcha.

Em relação à estética as duas versões estão com visual renovados. O modelo Dragster se destaca por configurações diferenciadas e novas cores. Ela possui rodas raiadas, ao contrário da versão RR, além de novas cores das rodas, bengalas, cubos e na bolha frontal.

Ambos os modelos estarão disponíveis no mercado europeu, sendo a versão RR por 13.980 euros, enquanto o modelo Dragster sai por 16.290 euros.

[Por:Moto.Com.br]

Harley-Davidson Breakout

A Harley-Davidson apresenta sua linha de motocicletas 2015 com novidades em quatro famílias de produtos. Impulsionada pelo Projeto Rushmore, a lendária marca aposta em design arrojado, sistema de áudio premium e excelente ergonomia para expandir seu portfólio, oferecendo aos motociclistas mais possibilidades para curtirem a estrada.

Entre as novidades, destaque para a família Touring, que passa a contar com a Street Glide Special, revolucionada pelo Projeto Rushmore, substituindo a atual Street Glide. Na família Dyna, os modelos Street Bob e Low Rider chegam pela primeira vez no Brasil. Com novo sistema de freio e a estreia da Breakout, as motocicletas Softail também oferecem inovações no mercado nacional. Por último, no mix de modelos mais exclusivos, a linha CVO – Custom Vehicle Operations –, o lançamento mundial, CVO Street Glide, e CVO Limited serão montados na unidade fabril da marca, em Manaus (AM).
Família Sportster
Os modelos desta família compartilham os traços de agilidade e facilidade de condução, com o mais recente estilo urbano e o pragmatismo moderno. O assento baixo e o tanque de combustível em forma de gota, marcas registradas, são destaques da personalidade de uma Sportster, assim como o motor V-Twin no coração de cada Harley-Davidson. Desde o início de 2014, elas receberam sistemas de freios com ABS de série e controles de mão mais ergonômicos, garantindo mais segurança e conforto ao piloto. Além disso, em razão desse sistema eletrônico, o painel conta com indicador de marcha e rotação.
A Harley-Davidson Iron 883 2015 é a Sportster que permanece fiel ao estilo minimalista, sem supérfluos. O modelo mantém as características de uma motocicleta ágil, com acabamento exclusivo em preto fosco. Rodas pretas, para-lama estilo chopped, guidão drag style, tanque de combustível Peanut e lanternas traseiras com piscas integrados conferem estilo único, impulsionado pelo motor Evolution de 883cm³ acoplado a um câmbio de cinco marchas. O modelo oferece as opções de cores Black Denim, Sand Cammo Denim e, como novidades para 2015, Brilliant Silver Pearl e a inédita pintura especial Hard Candy Quicksilver Flake.
A Forty-Eight 2015 é uma das grandes atrações da família Sportster. O modelo é uma referência dentro da linha Dark Custom, com apelo agressivo e muita atitude, além do perfil jovem e urbano. A motocicleta é embalada pelo motor Evolution de 1.200cm³.
Característica marcante da Forty-Eight, o icônico tanque estilo Peanut apareceu pela primeira vez na Harley-Davidson em 1948. E, desde então, passou a ser um item tradicional dos modelos Sportster. Aliás, vem daí a inspiração para o nome Forty-Eight.
A parte dianteira da motocicleta apresenta um visual robusto, por conta de seu largo pneu MT90 que envolve a roda preta raiada. Outros destaques são os espelhos retrovisores montados sob o guidão que, com seu posicionamento mais à frente e combinado ao perfil rebaixado, proporciona uma posição agressiva de condução. Controles de mão mais ergonômicos também estão presentes, assim como o sistema eletrônico que permite a exibição de diversas informações no painel, como indicador de marcha e rotação do motor. A Forty-Eight conta com as opções de cores Vivid Black, Amber Whiskey, Charcoal Pearl e as pinturas especiais Hard Candy Cancun Blue Flake e Hard Candy Big Red Flake.
A Sportster 1200 Custom 2015 complementa a família com seu estilo custom e visual mais robusto. Componentes de design, como a iluminação traseira de LED e o guidão pull-back com visual old school, combinam recursos modernos com o jeito único de uma Harley-Davidson. Equipada com o motor Evolution de 1.200cm³, pneu dianteiro largo e uma roda cromada de cinco raios e aro 16″, o modelo apresenta agilidade na utilização urbana e proporciona excelente performance para desfrutar das estradas. O modelo conta com as opções de cores Vivid Black e as novas Amber Whiskey, Brilliant Silver Pearl/Vivid Black, Mysterious Red Sunglo/Blackened Cayenne Sunglo e a inédita Superior Blue.
A Sportster 1200 Custom possui, ainda, duas versões customizadas diretamente de fábrica. A 1200 Custom CA tem estilo urbano e esportivo, comandos de montagem central, rodas pretas e guidão drag bar, enquanto a 1200 Custom CB, estilo clássico, rodas raiadas e guidão mini apehanger. Ambas apresentam acabamento do motor em preto. Como novidade para 2015, a 1200 Custom CB tem a opção de cor Charcoal Pearl, além da Black Denim.
Família Dyna
Para 2015, entre os modelos desta família estão duas novidades para o mercado nacional: a Street Bob e a Low Rider. Representando o autêntico estilo Harley-Davidson, as motocicletas Dyna destacam-se por permitir uma ampla gama de customização, com muitos acessórios. Equipadas com o imponente motor Twin Cam 96 de 1.600cm3, acoplado ao sistema de transmissão de seis velocidades Six-Speed Cruise Drive, toda a linha possui freios ABS de série.
A Harley-Davidson Dyna Low Rider 2015 é um ícone, com ótima performance para um modelo com o estilo cruiser custom da marca. Lançada originalmente em 1977, esta motocicleta retorna ao portfólio da Harley-Davidson com seu estilo clássico e performance ainda mais agressiva. Seu estiloso escape 2 em 1 proporciona um ruído agressivo, impulsionado pelo motor Big Twin de 1.600cm3. Seu design ergonômico facilita a adaptação da maioria dos pilotos, independentemente da estatura. Além disso, ela apresenta guidão ajustável em até 2,4 polegadas. Rodas raiadas e disco duplo de freio dianteiro completam as características deste autêntico clássico Harley-Davidson. A Low Rider chega ao Brasil nas cores Vivid Black, Amber Whiskey, Brilliant Silver/Vivid Blac k e as inéditas Deep Jade Pearl, White Hot Pearl/Blue Hot Pearl e a pintura especial Black Magic.
O modelo Street Bob, outra novidade da família Dyna, preza pela simplicidade de atingir a essência do motociclista que pensa apenas em pegar a estrada sem nenhuma distração. Inspirada pelo estilo minimalista dos modelos bobber, ela apresenta um guidão mini apehanger, assento individual e o mesmo modelo de tanque de combustível da consagrada Fat Bob. Além disso, é equipada com o motor Twin Cam 96 de 1.600cm3 na cor preta. A Street Bob estará disponível na rede de concessionárias da marca nas cores Vivid Black, Amber Whiskey, Black Denim, Superior Blue e Hard Candy Quicksilver Flake.
A Harley-Davidson Dyna Fat Bob 2015 combina o estilo e a atitude da linha Dark Custom com a imponência dos modelos Big Twin. Com design arrojado, desde o aro dos faróis dianteiros e da braçadeira tripla, até a tampa da bateria e a cobertura do amortecedor traseiro, o modelo conta com guidão robusto estilo drag bar e fiação passada internamente, realçando seu visual clean e minimalista. Frente ampla com exclusivo farol duplo, largos pneus com rodas pretas em disco de alumínio estilizado de aro 16, para-lama traseiro encurtado com lanterna de LED integrada, motor Twin Cam 96 de 1.600cm³ com transmissão Six-Speed Cruise Drive e sistema de freios com ABS de série com disco duplo na dianteira completam a motocicleta. No modelo 2015, estará dispo nível nas cores Vivid Black, Black Denim, Sand Cammo Denim e as inéditas Mysterious Red Sunglo e Superior Blue.
Família Softail
Verdadeiros ícones do motociclismo mundial, os modelos desta família são projetados com traços simples e tradicionais, linhas fortes e claras, e uma sofisticada e inteligente suspensão traseira oculta. Todos são equipados com motor Twin Cam 96B de 1.600cm³ e transmissão de seis velocidades Six-Speed Cruise Drive. Na linha 2015, estas incríveis motocicletas também receberam inovações no sistema de freios ABS, oferecendo melhor capacidade de resposta e diminuindo em 40% o esforço feito no manete. Dentre os novos componentes do freio dianteiro, estão uma pinça com quatro pistões de 34mm e 32mm, pastilhas com material de alta performance, cilindro mestre renovado e um disco de 300mm. Além disso, a pinça e o cilindro mestre foram reestilizados, garantindo um design mais bonito às motocicletas.
A grande novidade desta família em 2015 é a Harley-Davidson Softail Breakout. Apresentada como premium em seu segmento, com acabamento distinto e componentes específicos que não estão disponíveis em outros modelos Harley-Davidson, a Breakout tem perfil mais baixo e alongado. Dentre suas características, pneu traseiro de 240mm, visualmente balanceado com os garfos robustos e o para-lama encurtado. O guidão estilo drag bar possui velocímetro de peça única montado sobre ele, enquanto que os detalhes do motor e outras partes em preto tornam o modelo uma Drag Custom de respeito.
Assim como sua predecessora, a exclusiva CVO Breakout, disponível no Brasil com apenas 30 unidades na linha 2014, apresenta estilo original, com linhas suaves, que ressaltam o motor e os pneus. O tradicional propulsor Twin Cam 96B de 1.600cm³, a transmissão de seis velocidades Six-Speed Cruise Drive e o sistema de freios ABS formam o conjunto mecânico da Breakout. As cores disponíveis são Vivid Black, Charcoal Pearl, Mysterious Red Sunglo, Superior Blue e a Hard Candy Quicksilver Flake.
A Harley-Davidson Softail Deluxe 2015 é uma moto de estilo nostálgico, inspirada nas linhas das clássicas hardtails. Seus para-lamas em estilo retrô possuem linhas alongadas e pontas cromadas. Seu garfo dianteiro robusto, atrás de um farol de sete polegadas com lanternas auxiliares, as rodas raiadas envoltas pelos pneus com faixa branca e o rack cromado conferem à motocicleta um visual que remete aos anos 1950. Montado sobre eixos balanceadores e acoplado à transmissão Six-Speed Cruise Drive, seu motor gera força e desempenho em ultrapassagens, subidas e estradas, além de uma condução mais confortável nas cidades, sem a necessidade de constantes trocas de marcha. A Deluxe 2015 está disponível nas cores Vivid Black, Morocco Gold Pearl, Mysterious Red Sung lo/Blackened Cayenne Sunglo e, como novidades para o modelo, Brilliant Silver Pearl/Vivid Black, White Hot Pearl/Blue Hot Pearl e as pinturas especiais Black Magic e Hard Candy Cancun Blue Flake.
A Harley-Davidson Softail Fat Boy 2015 é um dos maiores ícones do motociclismo mundial. Sua inspiração vem das choppers hardtail dos anos 1960 e 1970. Possui design frontal amplo e um grande farol dianteiro que, entre outros itens cromados, atribuem ainda mais sofisticação ao modelo, incluindo as reluzentes rodas estilo bullet hole. As cores disponíveis para a Fat Boy 2015 são Vivid Black, Brilliant Silver Pearl e as inéditas para esta moto, Superior Blue, Mysterious Red Sunglo, Amber Whiskey/Vivid Black e a pintura especial Black Magic.
A Harley-Davidson Fat Boy Special 2015 realça o tom forte e agressivo de um verdadeiro ícone entre as motocicletas. Dotada de todas as características que fizeram da Fat Boy um clássico, a versão Special traz o lado mais sombrio desta fat custom original, com aparência dark e detalhes em cromo acetinado, realçando sua forte personalidade. As cores para 2015 são Vivid Black, Black Denim, Sand Cammo Denim e, como novidade para o modelo, Charcoal Pearl.
A Harley-Davidson Heritage Softail Classic 2015 é uma máquina moderna com estilo clássico, evidenciado pelos pneus com faixa branca que envolvem as rodas raiadas cromadas, além dos para-lamas alongados e lanternas auxiliares. A Softail mais completa de série vem com itens como sissy-bar, para-brisa king-size removível e saddlebags de couro. A ergonomia também se destaca pelo confortável assento que, combinado ao guidão de perfil mais alto, proporciona uma posição de pilotagem natural, na qual poderá desfrutar ao máximo de cada um dos muitos quilômetros de autonomia garantidos pelo tanque com capacidade para 18,9 litros de combustível. A Heritage Softail Classic 2015 está disponível nas cores Vivid Black, Morocco Gold Pearl e, como novidade para o modelo, Brilliant Silver Pearl, Superior Blue, Mysterious Red Sunglo/Blackened Cayenne Sunglo, Amber Whiskey/Charcoal Pearl e a pintura especial Black Magic.
Família V-Rod
Os modelos desta família aliam design moderno e robusto com a alta performance do motor Revolution de 1.250cm³ refrigerado a líquido, desenvolvido em parceria com a Porsche e que atinge até 125cv de pura emoção. A combinação é um dos motivos do grande sucesso destas motocicletas no mercado nacional, colocando o Brasil em segundo lugar entre todos os países que vendem a família V-Rod no mundo.
A Harley-Davidson V-Rod Muscle 2015 é o resultado da perfeita união entre a força americana e a tecnologia europeia em um modelo que esbanja estilo e performance. Sua frente com perfil musculoso e caixa de ar estilizada, combinada com o imponente escapamento duplo revestido de cromo acetinado e pneus traseiros de 240mm, ressaltam seu visual feroz e arrojado. Sofisticação também é uma das características mais marcantes, evidenciada pelo belo painel de instrumentos triplo, montado em peça única, lanternas traseiras de LED e retrovisores com piscas integrados. Para oferecer o máximo de segurança e conforto ao piloto, o modelo conta com embreagem tipo slipper, que reduz a fricção e ajuda a manter a roda traseira no ritmo adequado, e freios Brembo com ABS, que atuam de form a precisa e eficiente. A suspensão dianteira Showa com garfo invertido e as rodas de alumínio ajudam a reduzir a massa não suspensa, melhorando a ciclística do conjunto. O modelo tem, além da cor Vivid Black, as novidades Sand Cammo Denim, Black Quartz e Mysterious Red Sunglo with flames.
A Night Rod Special é uma moto desenvolvida para impor respeito. O estilo dark com acabamentos em preto indica sua natureza agressiva. O perfil traseiro cônico com lanterna de LED ressalta o imponente pneu traseiro Michelin Scorcher de 240mm, como na V-Rod Muscle®. As rodas de alumínio e o garfo invertido diminuem a massa não suspensa, e deixam a condução mais ágil. Os comandos com recuo, combinados com o guidão estilo drag recuado, proporcionam mais conforto para desfrutar ao máximo cada jornada. A Night Rod Special 2015 vem nas cores Vivid Black, Black Denim, Superior Blue e Deep Jade Pearl, as duas últimas, novidades para o modelo.
Família Touring
A maior novidade desta família também recebeu as melhorias do Projeto RUSHMORE, que reestruturou os modelos mais completos da marca neste ano. A Street Glide Special chega para revolucionar ainda mais a experiência de pilotagem da família Touring. Equipada com o mesmo sistema de informações e entretenimento Boom! Box de 6,5 polegadas, presente na Ultra Limited, a Street Glide Special conta agora com tela colorida de alta resolução sensível ao toque, sistema de navegação GPS e sistema de reconhecimento de voz (VR), além de quatro alto-falantes com saída de áudio de 25 watts por canal.
Representando uma verdadeira bagger hot-rod, o modelo também chama a atenção por sua carenagem “BatWing”, com o peculiar para-brisa compacto escurecido e saddlebags rígidos, e motor Twin Cam 103 High Output de 1.700cm3, com sistema de admissão e fluxo de ar. Completam o conjunto a roda dianteira de 19 polegadas e a traseira de 16 polegadasestilo Enforcer e o sistema de freios Reflex com ABS conectado eletronicamente. A Street Glide Special 2015 estará disponível na rede de concessionárias nas cores Vivid Black, Black Denim, Brilliant Silver Pearl, Amber Whiskey, Charcoal Pearl, Morocco Gold Pearl e Deep Jade Pearl.
A família Touring da Harley-Davidson ainda oferece a Road King Classic com seu toque de nostalgia combinado a muito conforto e performance em todas as jornadas. Farol de dupla parábola, guidão de perfil alto e velocímetro com números grandes, permitindo que todas as informações sejam visualizadas de forma mais fácil e clara, acrescentam muito estilo ao modelo, que está entre os mais tradicionais da marca. A Road King Classic 2015 terá como opções de cores, Vivid Black, Morocco Gold Pearl, Mysterious Red Sunglo/Blackened Cayenne Sunglo, e como novidades, Superior Blue, Brilliant Silver Pearl/Vivid Black e White Hot Pearl/Blue Hot Pearl.
Por último, o modelo mais completo desta família, a Ultra Limited, combinando características modernas e sofisticadas ao mais autêntico estilo Grand American Touring. Esta motocicleta conta com todos os itens necessários para proporcionar a melhor experiência sobre duas rodas. O motor Twin Cam 103 High Output Twin Cooled, de 1.700cm3 com refrigeração mista, sistema de freios Reflex com ABS conectado eletronicamente, faróis de LED Daymaker e sistemas de informação e entretenimento Boom! Box de 6,5 polegadas com tela colorida de alta resolução sensível ao toque, sistema de navegação GPS e sistema de reconhecimento de voz (VR) fazem dela a motocicleta preferida entre os clientes mais tradicionais da marca, que percorrem, frequenteme nte acompanhados, grandes distâncias no mesmo dia, e exigem a melhor performance e conforto de suas motocicletas. A Ultra Limited 2015 estará disponível nas cores Vivid Black, Amber Whiskey/Vivid Black, Mysterious Red Sunglo/Blackened Cayenne Sunglo e, como novidades para o modelo, Superior Blue, Brilliant Silver Pearl/Vivid Black e Deep Jade Pearl/Vivid Black.
Produção nacional
Fabricadas por processos artesanais e com pintura customizada, a linha CVO – Custom Vehicle Operations – chega ao Brasil com uma grande novidade em 2015: os modelos CVO Street Glide e CVO Limited passam a ser montados na fábrica de Manaus (AM).
Aliando características sofisticadas com design agressivo, a CVO Street Glide possui um sistema de áudio Boom! Box que gera 600 watts de potência, por meio de quatro alto-falantes dianteiros e dois traseiros, proporcionando excelente qualidade sonora. Esta bagger ainda conta com detalhes únicos, como a logomarca CVO iluminada no tanque de combustível, roda cromada de cinco raios, saddlebaggs rígidos alongados, acessórios Airflow Collection e banco CVO. Tudo isso, aliado às melhorias do Projeto RUSHMORE, como carenagem “BatWing” com entrada de ar que diminui a turbulência, sistema de infotainment Boom! Box 6.5GT com tela sensível ao toque de 6,5 polegadas e GPS integrado, além de pintura exclusiva Starfire Black/Gold Dust Flames, faz da CVO Street Glide uma autêntica premium.
A Harley-Davidson CVO Limited 2015 é o modelo mais completo em linha, trazendo acessórios da coleção Airflow como item de série e iluminação LED para o Tour-Pak e saddlebags, sistema de informações e entretenimento Boom! Box 6.5GT, que fornece potência de 75 watts por canal, além de todas as melhorias do Projeto RUSHMORE. O modelo estará disponível em uma única cor, Palladium Silver/Typhoon Maroon.
Ambos os modelos também garantem exclusividade, com o motor Twin Cam 110 High Output Twin Cooled, com filtro de ar da linha Screamin’ Eagle, que melhora ainda mais a performance que o propulsor de 1.800cm³, o maior em produção pela Harley-Davidson, entrega desde as baixas rotações em retomadas e ultrapassagens, mesmo em trechos de subida.
[Por:Moto.Com.br]
« Previous Entries  Next Page »