Após oito anos de estrada no mercado brasileiro, a Yamaha YBR 125 enfim ganhou uma “cara” nova, muito semelhante a sua irmã de 250cc, a elegante Fazer.

Chamada de YBR 125 Factor, a motocicleta chegará à Rede de Concessionários Autorizados na primeira quinzena de setembro, ainda sem preço definido.

De certeza imediata, apenas as inovações desta street. A começar pelo visual, no qual se destacam o tanque de combustível robusto e volumoso — que ganhou inclusive uma falsa entrada de ar —, novos pára-lamas, tampas laterais e uma rabeta afinada e ascendente, inspirada nos modelos esportivos da marca.

O motor é um monocilíndrico quatro tempos de 125cc, refrigerado a ar, acionado por comando de válvulas simples no cabeçote com transmissão por corrente (OHC).

O propulsor conta também com um balanceador no eixo do virabrequim, que elimina as vibrações para aumentar o conforto ao condutor. Pensando na economia de combustível, a Yamaha instalou no modelo o carburador Mikuni BS25, que proporciona um funcionamento sem falhas do motor.

No quesito emissões, o novo CDI-DC garante respostas rápidas, menor índice de emissões e apresenta a função modo segurança, que informa no painel falha do sistema de ignição.

A YBR 125 Factor leva ainda um novo sistema de indução de ar, escapamento com dois catalisadores e dois novos protetores antiqueimadura. O câmbio é de cinco velocidades.

O chassi, do tipo Diamante e confeccionado em tubos de aço, conta com nova montagem e reforços que privilegiaram a ciclística e resistência. A barra de suspensão ganhou um tratamento térmico diferenciado para aumentar a resistência.

O painel, mais inclinado, dispõe de nova iluminação, hodômetro total e parcial, marcador de combustível e as luzes básicas de indicadores, como setas, posição de neutro, anomalia no sistema de ignição e farol alto.

Sem perder as qualidades da versão anterior, a nova YBR 125 Factor será comercializada em três versões; YBR 125 Factor K (partida a pedal), YBR 125 Factor E (partida elétrica) e YBR 125 Factor ED (partida elétrica, freio a disco dianteiro e rodas de liga leve) e nas cores azul, vermelha, preta e prata.

Na versão ED, o freio dianteiro a disco ganhou uma nova pinça com um único pistão de maior diâmetro. Mudança que manteve a frenagem segura com menos peças e componentes, segundo a Yamaha.

Incorporam o visual do modelo os pares de piscas semelhantes aos da YZF-R1, suporte do farol na cor cinza e um design mais arrojado dos refletores do farol.

Até julho deste ano, a Yamaha comercializou cerca de 700 mil unidades da YBR 125 pelo território nacional. Aguardemos os resultados da nova Factor.

[Fonte:Moto.com.br]